Laranjal do Jari

MOTOQUEIRO É ATROPELADO POR ÔNIBUS EM LARANJAL DO JARI

Ocorreu no último sábado dia 15, por volta das 14h45min um acidente de trânsito envolvendo uma motocicleta e um ônibus na Rua Salvador esquina com a Avenida Recife.

Uma equipe do 11° Batalhão da PM foi acionada pela COPOM para atender a ocorrência, e no local os policiais foram informados por testemunhas, que o ônibus trafegava na Avenida Recife e ao efetuar a conversão a esquerda atingiu o motoqueiro que trafegava no sentido leste/oeste. A vítima, José de Freitas, 42 anos, foi atingido pelo ônibus e sofreu várias escoriações, ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiro até o Hospital de Emergência e seu estado clínico é estável.

 

Fonte: PM

Categorias: Laranjal do Jari, Vale do Jari | Deixe um comentário

TABELA DE VENCIMENTOS DOS PROFESSORES DO MUNICÍPIO DE LARANJAL DO JARI

Essa é a tabela com os vencimentos dos professores do município de Laranjal do Jari com suas respectivas classes e padrões.
O demonstrativo situado acima indica quanto está sendo pago ao professor atualmente e o da parte de baixo esclarece o quanto cada um deles deveria está recebendo.
Compare as duas tabelas e descubra a quantia que você está recebendo a menos.
Fonte: Erasmo Silva
Categorias: Laranjal do Jari, Vale do Jari | Deixe um comentário

DEBATE ENTRE OS CANDIDATOS A PREFEITO EM LARANJAL DO JARI

O sindicato dos Servidores Públicos em Eduação do Estado do Amapá – SINSEPEAP, promoveu na sexta-feira (13), na quadra poliesportiva João da Silva na praça Central, uma plenária de debates entre os candidatos à prefeitura municipal de Laranjal do Jari.
A plenário contou com a participação de sete candidatos a prefeito: Zequinha Madeireiro (PP), Ayrton Nobre (candidato a vice-prefeito, representando Bode Queiroga – PDT), Elizeu Viana (PT), Irmão Tadeu (PTB), Antônio Pantoja (representando Irmão Eliá – PSC), Homero Barauna (vice de Manoel Pombo – PSB) e o Delegado Prata (PSDB).
A plenária contou com a presença de professores, Promotoria, Justiça Eleitoral e também com assessores e simpatizantes que lotaram as dependências da quadra da Praça Central.
O debate teve a coordenação de membros da executiva estadual do sindicato e foi dividido em três blocos. No primeiro, os candidatos fizeram suas apresentações expondo aos presentes o porque de estarem concorrendo ao pleito. No segundo bloco foram sorteadas sete perguntas escritas que havia sido previamente formuladas pelos presentes e que foram respondidas através de sorteios. No terceiro, os canditadatos fizeram as suas considerações finais.
O início do debate foi marcado por certa desorganização e confusão, mas depois prosseguiu dentro da normalidade, apesar das manifestações exaltadas dos simpatizantes dos candidatos.
A plenária foi de grande relevância para que os eleitores presentes pudessem analisar o prefil e as propostas dos candidatos, principalmente no que concerne a área da educação e serviu também para o fortalecimento e amadurecimento da democracia em Laranjal do Jari. Não se pode deixar de mencionar o descontrole e a falta de preparo de alguns candidatos como também a serenidade e civilizadade de dois deles, Elizeu Viana e Irmão Tadeu.
No final os candidatos assinaram uma Carta compromisso com intens relacionados ao cumprimento de uma pauta com a educação como o cumprimento do Pisa Salarial Nacional do Magistério.

 

 

Fonte: Erasmo Silva

Categorias: Laranjal do Jari, Vale do Jari | Deixe um comentário

Senado aprova criação de free shops em Laranjal do Jari e Oiapoque

Os municípios de Oiapoque e Laranjal do Jari receberão nos próximos meses uma loja franca, conhecida como “free shops”, que comercializam produtos importados com isenção tributária. A criação das lojas nos dois municípios amapaenses será possível devido à aprovação do Projeto de Lei da Câmara 11/ 2012, pelo Plenário do Senado, nesta semana.

O senador Randolfe Rodrigues e os demais senadores aprovaram o substitutivo ao PLC, de autoria da Senadora Ana Amélia Lemos (PP-RS), que classifica 28 cidades do país como “cidades gêmeas”, isto é, municípios gêmeos de cidades estrangeiras em linha de fronteira. É o caso dos municípios amapaenses de Oiapoque e Laranjal do Jari que estão localizados na fronteira com municípios franceses. No projeto inicial apenas o município de Oiapoque estava incluído. A pedido de Randolfe, a senadora Ana Amélia inlcuiu na proposta a cidade de Laranjal do Jari. Ana Amélia agradeceu em plenário a contribuição de Randolfe para o aperfeiçoamento da proposta aprovada.

“Esse projeto de lei é um instrumento de afirmação e integração do Brasil com os vizinhos sul-americanos e uma alternativa redentora para a economia dos municípios de fronteira”, destaca Randolfe.

À esquerda, senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) cumprimenta a senadora Marta Suplicy (PT-SP) por sua indicação ao Ministério da Cultura

Durante sua defesa no Plenário, o senador lembrou da importância da matéria para as regiões mais distantes do país e para a Segurança Nacional no fortalecimento da economia das cidades de fronteira. “Nós estamos também defendendo o Brasil e criando uma relação na América Latina, na América do Sul, com os nossos países vizinhos, de fato, de irmandade. No Estado do Amapá, duas cidades, Laranjal do Jari e Oiapoque, serão diretamente beneficiadas com esse projeto.A cidade de Oiapoque tem uma relação, já na prática, de irmandade com a cidade de Saint-Georges, do outro lado da fronteira, na Guiana Francesa”, destacou Randolfe.

A regulamentação para o funcionamento das lojas ficará por conta do Ministério da Fazenda e da Receita Federal. O pagamento dos produtos adquiridos poderá ser feito em moeda nacional ou estrangeira, permitindo também a redução da concorrência desleal dos produtos importados vendidos muito mais baratos nas cidades vizinhas.

A proposta agora retorna à Câmara dos Deputados para última revisão antes da votação final pelos deputados. Se aprovada, a matéria irá à sanção presidencial. Além do Amapá, serão contemplados os Estados do Rio Grande do Sul, Amazonas, Acre, Mato Grosso do Sul, Paraná, Roraima, Rondônia e Santa Catarina.

(blogdorandolfe)

 

Categorias: Laranjal do Jari, Vale do Jari | Deixe um comentário

Governador Camilo inaugura Redes de Distribuição de Energia em Laranjal do Jari

Em Laranjal do Jari o Governo do Estado do Amapá e a Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) começam a dar respostas positivas para a população. O governador Camilo Capiberibe inaugurou nesta terça-feira, 11, as Redes de Distribuição de Energia dos bairros Nova Esperança I e II, Castanheira e Samaúma, que irão melhorar o fornecimento de energia para casas e estabelecimentos.

Essas quatro Redes de Distribuição Urbana (RDU) integram um conjunto de medidas que estão sendo colocadas em prática para solucionar o problema de energia no município, que se prolonga há mais de dez anos.

Para que as obras entrassem em funcionamento, foi necessário um investimento de R$ 341.058,02, que vieram via convênio do GEA com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Além dessas RDUs, a CEA está trabalhando em outros quatro projetos de eletrificação urbana em Laranjal do Jari e ainda na reforma e ampliação de alimentadores. As Redes dos bairros Centro, Malvinas e Vila do Ovo são as próximas a serem inauguradas, elas estão 95% concluídas, com previsão de entrega ainda neste bimestre.

“Estamos tirando Laranjal do atraso a que ele foi submetido nos últimos anos, colocando em prática os projetos e aplicando os recursos públicos. Sabemos que o serviço ainda não satisfaz totalmente a necessidade da população do Jari, mas melhorou consideravelmente”, ressaltou o presidente da CEA, José Ramalho.

Ele relembrou que em dezembro de 2010, por causa da dívida da CEA com a Soenergy, que fornece energia para o município, os moradores correram o risco de ficar sem energia por tempo indeterminado. A população se revoltou, depredou o prédio da CEA e foi preciso o governador Camilo, mesmo antes de assumir, interceder junto à Soenergy para que a energia voltasse a ser fornecida.

Desde 2011 o governador Camilo investiu R$ 19 milhões em todo o Amapá para recuperar e ampliar as RDUs do Sistema Estadual. Além de Laranjal do Jari, os técnicos da CEA estão trabalhando em 48 obras de RDUs, novos alimentadores e subestações nos municípios de Macapá, Santana, Oiapoque, Tartarugalzinho e Porto Grande. Em Laranjal, está sendo feito um investimento de R$ 1.578.090,72, que vai beneficiar, somente dos quatro bairros que acabaram de ser contemplados, cerca de 1.300 moradores.

“Estamos resolvendo os problemas deixados e ao mesmo tempo trabalhando, esses são apenas alguns dos compromissos que assumimos e estamos cumprindo. Os investimentos que fazemos para que os projetos sejam executados são necessários para que a energia do Linhão do Tucuruí passe por Jari. Os serviços ainda não estão como gostaríamos, mas posso garantir que esse governo está trabalhando soluções para os problemas da sociedade amapaense”, salientou o governador Camilo.

Paralelo a essas RDUs e alimentadores que começam a entrar em funcionamento, a CEA está intermediando junto à Soenergy para que um nono gerador seja disponibilizado. A nova máquina é necessária para ficar como reserva em caso de manutenção, como está acontecendo agora, o que causa desligamentos temporários.

Mariléia Maciel/Secom

Categorias: Laranjal do Jari, Vale do Jari | Deixe um comentário

Sargento da PM morre em capotamento na estrada do Jari

Fatalidade / Corpo do sargento só foi removido pela Politec horas após o acidente

Fábio de Souza da Silva, de 32 anos, estava à disposição da Sejusp, onde desempenhava a função de motorista do secretário. O militar viajava para o sul do Estado com duas pessoas a serviço da Sejusp

Um grave acidente de trânsito que aconteceu por volta das 6h30 de ontem (5), acabou interrompendo de forma trágica a viagem a trabalho que o sargento da Polícia Militar Fábio de Souza da Silva, de 32 anos, fazia em direção ao município de Laranjal do Jari. O policial morreu após a caminhonete de placa NEY 0143, lotada na Secretaria de Estado da Justiça e Segurança Pública (Sejusp), capotar e cair em um barranco, no trecho que fica entre o rio Vila Nova e o rio Preto, próximo a entrada do Camaipi, em Mazagão.
O sargento, que há 10 anos atuava na PM, estava à disposição da Sejusp como motorista do secretário Marcos Roberto.

Sem direção / Carro capotou e caiu em um barranco

Com ele viajavam o capitão do Corpo de Bombeiros, Carlos Augusto Jorge Cardoso, também coordenador do Núcleo de Execuções e Acompanhamentos de Projetos da Sejusp, e o administrador Orivaldo Ferreira Martins, que coordenava projetos da pasta. O trio se deslocavam para o município de Laranjal do Jari, onde faria uma inspeção técnica em um terreno da Secretaria.

Um acidente envolvendo o caminhão dos Correios e uma caminhonete aconteceu na mesma manhã da fatalidade com o sargento da PM

De acordo com informações colhidas no local, o sargento teria tentado fazer uma ultrapassagem em um veículo e ao perceber que o carro se aproximava de um lago à esquerda, tentou reverter a manobra para a direita e acabou perdendo o controle da direção. A caminhonete bateu numa árvore e capotou caindo no barranco.
Com o choque, o capitão do Corpo de Bombeiros, que viajava deitado no banco de trás da caminhonete, teve fratura em um dos braços e escoriações pelo corpo. O administrador teve ferimentos sem gravidade. Os dois foram socorridos por populares que acionaram a ambulância que os conduziram para o Hospital de Emergências (HE) da capital. Eles não correm risco de morte.
Peritos da Politec estiveram no local, porém, o corpo do sargento só foi removido às 12 horas, quase 5 horas após o acidente.

Fábio Souza / Sargento estava na PM há mais de 10 anos e atualmente estava à disposição da Sejusp

Estrada Perigosa
Não é de hoje que motoristas reclamam das condições pelas quais se encontra o trecho sul da rodovia BR 156 que dá acesso ao município de Laranjal do Jari. Por toda sua extenção, a piçarra solta e a poeira dificultam a trafegabilidade da via, o que tem provocado inúneros acidentes, inclusive, com vítima fatal como aconteceu com o sargento Fábio.
A imprudência também tem sido a causa de sinistros, como o que ocorreu na manhã de ontem, envolvendo um caminhão dos Correios de placa NOW 7795 e uma caminhonete L200 de placas NEN 4088, há alguns quilômetros do local da fatalidade do militar.
Segundo informações do funcionário dos Correios, um ônibus e outro caminhão de uma empresa que está fazendo serviços na rodovia, estavam parados conversando. Ele teria freado para tentar evitar uma colisão na traseira do ônibus e acabou sendo atingido pela caminhonete.
O caminhão se chocou com a traseira do coletivo e o motorista se evadiu do local. Não houve feridos nessa ocorrência.

Fonte: AGazeta

Categorias: Laranjal do Jari, Vale do Jari | 1 Comentário

Viajem entre Macapá e Laranjal do Jari dura 4 horas pela BR 156

Para quem viajou há 2 meses atrás e atualmente pelo trecho sul da BR 156, que liga Laranjal do Jari a Macapá por via terrestre percebeu a grande diferença nas condições de tráfego na estrada. Antes para percorrer a distância de 275 km se chegava a gastar até 10 horas devido aos atoleiros, poças d’água, lameiros entre outros percalços; agora o mesmo percurso está sendo feito em cerca de 4 horas. Realmente um belo trabalho que está sendo feito como nivelamento, aterramento e  eliminação das curvas o que deixa a rodovia quase pronta para receber a camada asfáltica que é sonho de muitos. O dinheiro empregado na recuperação da estrada é do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A obra já se encontra em fase de conclusão o que facilitará muito o deslocamento de quem mora no sul do Estado e precisa chegar até a capital.

Foto: Romulo Souto
Máquinas trabalhando na recuperação do trecho sul da BR 156

Durante cerimônia de assinatura de convênio com APAI de Laranjal do Jari,   Governador Camilo Capiberibe anuncia asfaltamento da BR 156.

Fonte:

Categorias: Laranjal do Jari, Vale do Jari | 3 Comentários

PROFESSOR CONECTADO ENTREGA NOTEBOOKS EM LARANJAL DO JARI

Foi realizada nesta terça feira, 11/9 a entrega dos notebooks do programa Professor Conectado aos professores que trabalham nos municípios de Laranjal do Jari e Vitória do Jari na sala do laboratório de informática da E.E. Mineko Hayashida.

O trabalho de homologação para os professores inscritos começou no domingo, 9/9, no laboratório de informática da E.E. Nazaré Rodrigues.
Foram entregues 280 notebooks aos professores que haviam efetuado seus cadastros no site do programa.
As máquinas contam com importantes softwares para o trabalho com as disciplinas das modalidades do Ensino Fundamental e Médio que irão ajudar os professores nas etapas de planejamento e  elaboração das aulas além de facilitar a ministrar suas aulas.
O lado negativo que não se pode deixar de mencionar começou com o dia escolhido para a homologação, um domingo (vê se pode!), não houve comunicação prévia de forma oficial; depois o atraso de mais de duas horas do governador Camilo Capiberibe e do secretário estadual de educação Adalberto Ribeiro na solenidade de entrega dos pc’s que aconteceu na quadra de esportes da Escola Mineko Hayashida,  além da desorganização no momento da entrega dos notebooks.
Apesar de ser entregue apenas 280 máquinas a confusão que se formou foi enorme. Sendo que o atendimento começou a ser feito por senhas, depois  fila, em seguida por escolas sem citar o empurra-empurra que a falta de critérios da comissão responsável pela entrega causou na porta da sala onde estava sendo feita a distribuição.
A entrega começou a ser feita por volta das 13 horas e se prolongou até ás 19; vários professores tiveram que passar o dia inteiro aguardando pra receber o seu tão sonhado computador e ainda teve professor que saiu de lá sem seu notebook.
Bela iniciativa do governo do Amapá e do BNDES (Banco Naional de Desenvolvimento Econômico e Social) pela  concretização do programa Professor Conectado, o que pode representar um importante instrumento para a melhoria da educação no Amapá, mas não podemos deixar de lamentar o tratamento vexatório e porque não dizer humilhante a que os professores foram submetidos na ocasião da entrega dos notebooks. Poderia ter sido melhor.
Categorias: Laranjal do Jari, Vale do Jari | Deixe um comentário

HOMEM ACUSADO DE AMEAÇA É PRESO PELA PM EM LARANJAL DO JARI

Por volta das 21h45min de ontem, a equipe de Rádio Patrulha da Polícia Militar foi acionada pela Central de Operações para atender uma ocorrência de ameaça na Rua Liberdade próximo ao pagode do cebola no bairro Agreste.

No local da ocorrência, a vítima Wilson Leão, 34 anos, informou aos PM´s que o infrator conhecido como Nilfran Santos, ameaçou de morte  ele e sua irmã em frente a sua residência. Depois de repassado as características do acusado, a equipe efetuou várias diligências próximas ao local, onde conseguiu encontrar e prender Nilfran. Ele foi conduzido até a Delegacia de Polícia de Laranjal do Jari, onde o Delegado Plantonista tomará as providências necessárias.

 

Fonte: PM

Categorias: Laranjal do Jari, Vale do Jari | Deixe um comentário

Prodemac realiza inspeção em matadouro em Laranjal do Jari

Após denúncias de realização de atividade potencialmente poluidora, a Promotoria de Justiça do Meio Ambiente de Macapá, a pedido da promotora de Justiça Fábia Nilci, titular da Promotoria de Justiça de Laranjal do Jari, realizou vistoria em matadouros particulares daquele município. As inspeções foram realizadas pela assessoria técnica da Prodemac em parceria com a Secretaria Municipal da Agricultura de Laranjal do Jari.

A inspeção objetivou orientar os proprietários dos matadouros quanto às adequações necessárias nos estabelecimentos às normas da Vigilância Sanitária, estabelecidas pelo Ministério da Saúde. Durante a inspeção, foi observado que os dois únicos matadouros de Laranjal do Jari estão construídos em zona urbana. Além de 80% dos estabelecimentos não passarem por vistoria sanitária de rotina, os matadouros não seguem a recomendação do abate humanitário. Todo o procedimento de abate (insensibilização, sangria, esfola e evisceração) é realizado no chão dos matadouros.

“As condições higiênico-sanitárias são extremamente precárias, as instalações físicas estavam impróprias e os manipuladores das carnes não atendiam às exigências mínimas de higiene. Portanto, um importante e negligenciado problema de saúde pública foi evidenciado, necessitando que providências sejam urgentemente tomadas por órgãos competentes e responsáveis pelos estabelecimentos”, informaram os assessores técnicos Renato Nishida e Michael Ribeiro.

A Assessoria Técnica da Prodemac deve emitir nos próximos dias Relatório Técnico à Promotoria de Laranjal do Jari, no qual serão observadas as diversas situações encontradas nestes matadouros, considerando seus aspectos higiênico-sanitários, as condições físicas das instalações, os procedimentos de matança, higiene de pessoal, ambiente, equipamentos e utensílios de proteção. Na ocasião, será solicitado à Promotoria que viabilize a suspensão das atividades destes matadouros até total readequação deles.

 
Fonte: Corrêa Neto

Categorias: Laranjal do Jari, Vale do Jari | Deixe um comentário

Blog no WordPress.com. O tema Adventure Journal.