Policiais fazem a entrega de gado furtado aos donos em Almeirim

A  operação “Boi Bandido”, das Polícias Civil e Militar, foi concluída, neste final de semana, em Almeirim, noroeste do Estado do Pará, com a devolução de animais furtados pela quadrilha aos proprietários. O bando, cujos integrantes estão presos, agia há mais de cinco anos na região. A ação policial deu cumprimento às ordens judiciais decretadas pelo juiz da Comarca, Márcio Bittencourt, para restituição de coisa apreendida. No total, foram entregues 74 animais bubalinos furtados.

A operação foi comandada pela delegada Adriana Magno, com equipe formada pelos investigadores Max Lins e Eduardo Matos, e escrivão João Sousa, com apoio da guarnição da Polícia Militar, sob comando do sargento Dias.

A operação policial teve início em fevereiro deste ano, com as prisões de Gerdson Camelo Vilela, de apelido “Canibal”; Jairo Bastos do Nascimento e Maizael dos Santos Santana, conhecido por “Sula”, executores dos furtos.

De acordo com a delegada, em março deste ano, foi preso em flagrante Francisco Miraelson Mesquita de Sousa, de apelido “Mira”, considerado o chefe da quadrilha especializada em furto de gado. A ele cabia escolher os executores dos furtos.

As investigações continuaram até identificar os mandantes dos furtos. Com as informações, a delegada Adriana Magno representou pelas prisões preventivas dos acusados e pelas buscas e apreensões nos possíveis locais, onde o gado furtado estaria escondido.

No mês de maio, a equipe policial deu cumprimento aos mandados de prisão preventiva de Juracy Gonçalves da Silva, de apelido “Jura”, e Francisco Dauto Mesquita de Sousa, com quem foram encontrados 74 animais bubalinos furtados.

Todos apresentavam marcações de ferro com identificação fraudada. Os búfalos foram submetidos à perícia técnica que fez a comprovação da adulteração das marcas e de sinais. Depois, foram localizados os verdadeiros donos do gado.

A entrega dos animais aos proprietários finaliza a operação policial, de forma a respeitar o direito dos criadores locais. “A ação da Polícia e a repressão ao crime de furto de bubalinos será uma ação constante das Polícias no município”, assevera a delegada. O procedimento atende a determinação da Diretoria de Polícia do Interior (DPI), por meio do superintendente regional da Polícia Civil no Baixo e Médio Amazonas, delegado Gilberto Aguiar.

 

Fonte: Polícia Civil

Anúncios
Categorias: Vale do Jari | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Jari News o melhor canal de notícias do Vale do Jari.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: